Geral

Crea-SP fiscalizou exercício profissional na Stock Car

Responsável por fiscalizar o exercício profissional da Engenharia, Agronomia e Geociências, o Crea-SP destacou agentes fiscais para conferir previamente o registro das empresas e profissionais que prestaram serviços técnicos durante o Stock Car Pro Series, realizado em Mogi Guaçu, em 23 e 24 de outubro, no autódromo Velocitta.

Foram fiscalizados serviços como a instalação de gerador de energia, de estrutura metálica e de posto de combustível, bem como a destinação de resíduos do evento, além da prevenção e combate ao incêndio, entre outros.

Antes de irem a campo, os agentes fiscais do Crea-SP realizaram pesquisa prévia com levantamento das Anotações de Responsabilidade Técnica (ARTs) emitidas para o evento. No local, foi solicitada a relação de empresas e profissionais que prestam serviços técnicos para verificação de registro no Conselho.

A fiscalização do Crea-SP tem caráter preventivo e orientativo com objetivo de garantir que à frente das atividades técnicas haja um responsável, afastando leigos de funções que devem ser exercidas por profissional habilitado.

“As profissões da área tecnológica são de caráter técnico e precisam ser realizadas por pessoas habilitadas pelo Crea-SP. Com a fiscalização do exercício profissional, protegemos a sociedade e os profissionais. O nosso dever é resguardar os participantes do evento, assegurando que as atividades técnicas no estado de São Paulo sejam desenvolvidas com a devida segurança”, afirmou o presidente do Crea-SP, Eng. Vinicius Marchese.

A Stock Car foi criada pela Associação Brasileira de Revendedores Chevrolet, tendo como inspiração a americana Nascar. A primeira corrida aconteceu em 22 de abril de 1979, no autódromo de Tarumã, no Rio Grande do Sul. Essa é a segunda vez no ano que o circuito do interior paulista recebeu a principal categoria do automobilismo.

Fonte: Crea-Sp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Precisa de ajuda?